4 de mai de 2017

12 passos para uma redação 1.000 - Esquema básico

A questão do/da ___________ ____________________________  (1)tem despertado a preocupação de _____________________________________________________ OU tem ganhado visibilidade na era atual. Sabe-se que (2) _____________________________ ___________________________________________, pois____________. __________________________________________________________________________Nesse sentido, é necessário analisar/avaliar________________________________________________ (3) e _______
___________________________________________ (4) decorrentes de (5).
Em primeiro lugar, é importante ressaltar que (6)_____________________________________________
___________________________________________________________. (7) Se por um lado__________________; por outro,  _____________________________________. Como resultado, __________________________.
Ademais, (8) ______________________________________. (9)____________________________. Além disso, ______________________________________________________________ Assim, ___________________________________________________________________________________________.   

Para minimizar, portanto, os impasses relacionados (10) medidas são necessárias e urgentes. (11) Então, cabe ao governo ____________________________ visando à __________________________________. Às escolas e à mídia importa _____________________________ _________________________________, por meio de ____________________________________, sobre____________. As empresas privadas devem _______________ _______________________________________________________________________________________________________________. (12) Ações como essas atenuarão os impactos do problema _________________________________________________________________________________________, contribuindo para _____________________________________. 

LEGENDA: INTRODUÇÃO

1-                  Cite o tema
2-                  Faça um contexto histórico/sociológico/ literário/ geográfico / filosófico rápido ou uma breve apresentação de um fator relevante sobre o problema.
3-                  Cite o primeiro aspecto a ser analisado sobre o tema. Por exemplo, questões culturais que envolvem determinado assunto ou causa de um dado problema.
4-                  Cite o segundo aspecto a ser analisado sobre o tema. Por exemplo, implicações sociais de certa circunstância ou a consequência de um dado fato.
5-                  Com outros termos, para evitar repetições, feche o parágrafo reafirmando o tema da redação.
DESENVOLVIMENTO
6-                  Argumento 1: menção ao primeiro aspecto a ser analisado. TÓPICO FRASAL
7-                  EXPLICAÇÃO do primeiro argumento.
8-                  Argumento 2: menção ao segundo aspecto a ser analisado. TÓPICO FRASAL
9-                  EXPLICAÇÃO argumento: crie uma sequência de períodos curtos para elucidar o ponto de vista..
CONCLUSÃO
10-              Faça referência direta ao tema.
11-              Detalhe a proposta apresentando que agentes governamentais e sociais devem contribuir para amenizar a situação-problema. Verifique se a proposta é aplicável.
Termine enfatizando os resultados positivos que a aplicação das propostas elencadas propiciará para atenuar o problema do tema da redação.   

APLICANDO: TEXTO MODELO SOBRE O TEMA
DESCARTE DE LIXO ELETRÔNICO NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA: DESAFIOS E PROPOSTAS SUSTENTÁVEIS

A questão do lixo eletrônico na sociedade contemporânea tem despertado a preocupação de ambientalistas e estudiosos. Sabe-se que o descarte inadequado da chamada “sucata digital” é um problema da atualidade, pois, como efeito colateral da modernização, compromete o meio ambiente e a vida humana.  Nesse sentido, é necessário analisar os DESAFIOS decorrentes desse impasse moderno e MANEIRAS DE AMENIZAR os impactos ambientais e sociais advindos dele.
Em primeiro lugar, é importante ressaltar que as demandas da modernidade, germinadas na Revolução Industrial, trouxeram benefícios, mas também desafios. Se por um lado há a constante sedução midiática incentivando o consumo do novo e moderno, propondo-se o descarte, cada vez mais veloz, de produtos digitais já ultrapassados; por outro, é perceptível a ausência de uma educação para o consumo consciente e sustentável. Como resultado disso, surge uma montanha de produtos destinados de maneira incorreta, ocasionando a contaminação do solo e dos trabalhadores envolvidos em processos de reciclagem.
Ademais, a ausência de uma legislação efetiva para a destinação do lixo eletrônico agrava o problema. Grande parte dos equipamentos de origem digital é lançada em lixões comuns, sem nenhum cuidado especial. Sendo produtos tóxicos, fica evidente a necessidade de procedimentos legais que exijam mais clareza nas informações sobre o descarte adequado. Além disso, falta responsabilidade socioambiental por parte das empresas privadas, as quais têm somente obrigação jurídica de recolherem artigos como pilhas e baterias de celular, por exemplo. Assim, os benefícios trazidos pelos produtos eletrônicos, fomentados pelas necessidades modernas, acabam suplantando a ecorresponsabilidade pública e privada. 
Para minimizar, portanto, os impasses relacionados ao descarte do lixo eletrônico na era atual medidas legais e sustentáveis são necessárias e urgentes. Então, cabe ao governo desenvolver e fiscalizar leis e políticas públicas visando à correta destinação da sucata digital. Às escolas e à mídia importa o trabalho de conscientização, por meio de palestras e propagandas televisivas, sobre os riscos da destinação incorreta desse tipo de resíduo e a necessidade de um consumo consciente. As empresas privadas devem também se comprometer, motivadas por incentivos fiscais, a criar projetos que incentivem a reciclagem, além de apostarem nos “produtos verdes”, livres de elementos poluentes. Ações como essas atenuarão os impactos que o uso e o descarte do e-lixo provocam, contribuindo para que os reflexos positivos da era digital sejam maiores que os danos ao meio ambiente e à vida humana.

Um comentário:

Flickr