21/06/2011

Texto Enumerativo

Olá Pessoal!

O post é só para relembrar o conceito e os exemplos de texto enumerativo: aquele que se organiza como uma lista, uma série, uma sequência sobre um determinado tema. Escrever por enumeração é relacionar uma série de elementos – ideias, acontecimentos, coisas, pessoas, paisagens, desejos, ações, memórias – que representam o tema proposto.

O enumerar traz outra consequência: escrevemos textos pessoais, com as nossas marcas, com o nosso estilo, superando assim os chavões, os clichês, as frases feitas, os lugares-comuns que muitas vezes nos tomam de assalto, quando vamos escrever.

Vejam alguns exemplos:

É PROIBIDO














Chorar sem aprender,
Levantar-se um dia sem saber o que fazer
Ter medo de suas lembranças.
É proibido não rir dos problemas
Não lutar pelo que se quer,
Abandonar tudo por medo,

Não transformar sonhos em realidade.
É proibido não demonstrar amor
Fazer com que alguém pague por tuas dúvidas e mau-humor.
É proibido deixar os amigos

Ter medo da vida e de seus compromissos,
Não viver cada dia como se fosse um último suspiro.
É proibido sentir saudades de alguém sem se alegrar,

Não viver sua vida com uma atitude positiva,
Não pensar que podemos ser melhores,
Não sentir que sem você este mundo não seria igual.

Pablo Neruda

Observe que o eu lírico do poema enumera uma sequência para informar o que ele considera proibido no viver.

Vejam agora a listagem da Cora Coralina sobre a verdadeira sabedoria da vida

SABER VIVER














Não sei... Se a vida é curta
Ou longa demais pra nós,
Mas sei que nada do que vivemos
Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.

Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.

E isso não é coisa de outro mundo,
É o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela
Não seja nem curta,
Nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira, pura... Enquanto durar 


Cora Coralina

E para finalizar, vamos à lista criada por mim, na qual enumero o que considero ser exemplo de alegria genuína:


SÓ ALEGRIA MESMO





















Resposta recebida
Amor compartilhado
Dança liberdade
Sol de brilho quente
Frio que não congela
Herança bendita:família

Trabalho que não cansa
Dinheiro que não corrompe
Amor próprio
Letras, poesia, música
Cheiro de chuva
De perfume também
De bebê melhor ainda
                                                                           
 Nas manhãs, força
Nas noites, sentido
Esperança imortal
Pintura do Deus Poderoso
No coração
Altar e gratidão...

Beijo da vida
É só alegria mesmo!!!

Observem que os textos são extremamente pessoais, subjetivos. 
Não é necessário que as palavras rimem, apesar de não haver problema algum com a presença das rimas.

É isso! Bom trabalho e fiquem atentos à proposta e às instruções deixadas na prova.


Beijos!


6 comentários:

  1. OOi dany valeu a postagem, pelo menos 2 já leram.... ;)

    ResponderExcluir
  2. Dany me inspirou muito, espero que me ajude bastante....;)

    ResponderExcluir
  3. Brigadu Dany pois irá me ajudar bastante na prova de amanhã!

    ResponderExcluir
  4. mto obrigado dani,vc me ajudou muito <3

    ResponderExcluir

Flickr